Perguntas Frequentes


Este espaço foi reservado para sanar as dúvidas das perguntas mais frequentes.
Caso precise de outras informações, não hesite em entrar em contato. 


  1. Devo vestir roupa branca no atendimento? É aconselhável vestir roupas de cores claras, mas não necessário. O espaço possui lençóis brancos. Use roupas largas ou confortáveis.
  2. Quanto tempo demora cada atendimento? Aproximadamente 1 hora. O tempo pode variar. Há uma previsão no descritivo de cada técnica.
  3. Preciso acreditar na terapia? Não é necessário acreditar para que ele se propague ou faça efeito. É importante apenas aceitar o tratamento. As terapias aqui oferecidas não são nenhuma doutrina ou religião, não estão vinculadas a nenhuma seita ou tradição e não se submete a nenhuma outra lei que não seja a da Energia Cósmica Universal, a Luz Pura e Divina.
  4. Como é o serviço de meditação ofertado?  O Cantinho Ananda não oferece curso de meditação. Uma sala de meditação é disponibilizada para que você possa relaxar e meditar com uma música relaxante se desejar. O objetivo é oferecer um espaço e momento calmo, leve para relaxar e tirar o stress do dia a dia durante o horário de almoço e mesmo antes ou após o trabalho. Se preferir, pode ser dado dicas de técnicas de meditação. Você pode ver foto da sala na aba "O Cantinho". É necessário fazer pré agendamento.
  5. Pertence a alguma religião?  Não. A energia é cósmica, sem dogmatismo.
  6. O que é Reiki? Você pode tirar mais informações sobre cada terapia ofertada na aba "Serviços". Basta clicar em cima da terapia escolhida e um texto aparecerá com informações. Se desejar saber mais, favor enviar um email ou ligar.
  7. O que é Cromoterapia? As cores são a linguagem da luz. Cada cor tem uma onda com uma frequência energética específica. As cores frias como o violeta e o azul, possuem ondas mais curtas do que as cores mais quentes como o vermelho e o laranja. Ao receber a irradiação, o organismo faz uma seleção energética e absorve a frequência energética que precisa no momento.
  8. Terapia Complementar substitui a medicina tradicional? Não substitui a medicina, a complementa. Trata-se de uma forma mais natural que busca o equilíbrio, restauração e aperfeiçoamento de uma forma global, trabalhando não somente com a parte física, mas também com a emocional, mental e espiritual. Nada é analisado separadamente. O corpo é um organismo interligado e, portanto, não deve ser analisado apenas uma parte. Pode fazer de forma mais delicada e positiva coisas que a medicina não faz. Gera um estado de harmonia e bem-estar que, como consequência, potencializa o processo de cura. Complementa o trabalho de médicos em geral como alergistas, cardiologistas, ortopedistas, dermatologistas, otorrinolaringologistas, ginecologistas, urologistas, oncologistas, psicólogos, psiquiatras, dentre outros.

Newsletters

Cadastre-se e fique por dentro das novidades!