• cantinhoananda

É necessário acreditar no Reiki para a técnica ter efeito?

Não! Desde que a pessoa aceite receber a energia, ela não precisa acreditar. Pode até mesmo duvidar. A crença, normalmente, acontece após algumas sessões, após ela sentir os efeitos do Reiki.

No entanto, o Universo é mental. Aquilo que é pensado, é criado (veja o post Atraimos o que pensamos). Se você acreditar que o Reiki realmente não funciona, que não existe campo energético ao nosso redor e nem trocas de energias, então, neste caso, pode realmente não funcionar. Pois sua mente tem o poder de bloquear a energia. O terapeuta consegue sentir nas mãos este bloqueio. Já se você duvidar, se houver uma faísca de questionamento em você, a energia vai fluir e a terapia vai funcionar.

Os efeitos do Reiki são muitos, dentre eles: minimizar o estresse do dia-a-dia, a depressão causada por sofrimentos e raivas acumuladas, as crises como a do pânico e do burnout hoje tão presente, tratar os vícios aparentemente incontroláveis ou as doenças incômodas, lidar melhor com o excesso de informações ou mesmo simplesmente relaxar. Enfim, te faz sorrir, sentir leve e gostar de viver. Logo ao final da primeira sessão você se sentirá como se estivesse terminado uma profunda meditação. Experimente. Que prova maior você precisa para acreditar na terapia?

Albert Einstein fala o seguinte:

- "Você não pode provar uma definição. O que você pode fazer, é mostrar que ela faz sentido"

- “A coisa mais bela que o homem pode experimentar é o mistério"

- "Algo só é impossível até que alguém duvide e prove o contrário. A maioria de nós prefere olhar para fora e não para dentro de si mesmo."

O médico Paulo de Tarso Lima disse: “Como boa parte da medicina oriental, o método era desacreditado porque não havia instrumentos modernos nem muito interesse em avaliar suas consequências”, porém agora há. Embora a técnica ainda seja vista com muito ceticismo aqui no Ocidente, esta crença tem sido alterada aos poucos. O Reiki está hoje em hospitais, presídios, praças públicas, Sistema Único de Saúde (SUS) e em vários outros lugares, cada vez mais se alastrando.

Penso que pesquisas científicas e estudos realizados nos últimos anos provando o efeito da energia transmitida pelas mãos têm colaborado para o crescimento, conhecimento e credibilidade da terapia Reiki no Brasil.

Ricardo Monezi apresentou uma dissertação de Mestrado na Universidade de São Paulo sobre um estudo feito por ele a respeito de técnicas de imposição de mãos (Reiki) em ratos. No experimento, a equipe de pesquisadores dividiu 60 ratos com tumores em três grupos. O grupo “controle” não recebeu nenhum tipo de tratamento, o grupo “controle-luva” recebeu imposição com um par de luvas preso a cabos de madeira, e o grupo “impostação” teve o tratamento tradicional sempre pelas mãos da mesma pessoa. Depois de oito sessões, Monezi analisou as estatísticas.



Constatou-se uma diminuição expressiva da contagem das plaquetas dos animais do grupo que recebeu a energia Reiki da forma tradicional, com as mãos humanas. Os resultados mostraram que, nos animais do grupo “impostação”, os glóbulos brancos e células imunológicas tinham dobrado sua capacidade de reconhecer e destruir as células cancerígenas. Para mais informações, veja o estudo aqui.

Ricardo Monezi realizou um outro experimento, agora em humanos. Para testar o verdadeiro potencial da técnica no alívio da tensão, Monezi separou 25 idosos estressados para serem cuidados por terapeutas especializados em Reiki. Outros 25 senhores na mesma situação receberiam uma terapia falsa – os aplicadores simulavam os gestos e as posições das mãos, mas não haviam sido treinados e nem conheciam direito o Reiki. Detalhe: nenhum dos participantes sabia da diferença entre os grupos. Como resultado, todos os voluntários ficaram relaxados, porém aqueles tratados por mestres de Reiki relataram uma tranquilidade maior e duradoura. Além disso, os músculos da testa ficaram menos rígidos, outro sinal de que o nervosismo foi aplacado. Clique aqui para mais informação sobre este experimento.

Um outro estudo, publicado na Revista Latino-Americana de Enfermagem focou na Síndrome do Burnout (SB) em enfermeiras. A SB ocorre devido às altas demandas físicas e emocionais, associadas ao local de trabalho. Concluiu-se que “uma única sessão de Reiki produz melhora imediata da função imunológica (IgAs) e da regulação da pressão arterial em enfermeiras com SB. Portanto, a aplicação de tratamentos por meio do Reiki poderia ser abordagem efetiva com vistas ao manejo e à prevenção dos efeitos negativos do estresse ocupacional, em subgrupos de enfermeiros com perfil de alto risco para SB.” Para mais informações, clique aqui.

Há estudos também sobre o efeito do Reiki quando aplicados nos cortes de mulheres após passarem pela cirurgia de parto por cesariana e vários outros estudos (clique aqui).

Por fim, apesar de ainda ter um longo trajeto a percorrer, a caminhada já começou há alguns anos. Há muitos estudos científicos já publicados. Pode-se começar a acreditar no tratamento Reiki por meio de diversas formas: se aprofundando nestas inúmeras pesquisas e experimentos já realizados, lendo mais artigos ou livros, indo atrás de mais conhecimento; ou, pode-se começar a acreditar por meio de seu próprio experimento ou de pessoas conhecidas. Você possui algum incômodo no corpo? Uma angústia? Algum sentimento mal trabalhado? Algum vício? Faça o teste e veja como se sente após a sessão. Não se permita limitar a um conceito sem conhecimento.

O Reiki segue com a Lei Universal. Tudo tem uma razão para ser. Einstein falava que “Deus não joga dados com o Universo”. Se este artigo chegou para você, abstraia o máximo dele. Com esperança e crença, tudo é possível. O tratamento Reiki pode te ajudar. Acredite! Aceite a energia, sem pré-conceitos!

Para mais informações

Whats. (11)94961.0123

cantinhoananda@gmail.com

26 visualizações
 

(11) 94961-0123

R. Itapeva, 202 - sala 62 - Bela Vista, São Paulo - SP, 01333-000, Brazil

  • Facebook
  • Instagram